O que estamos fazendo durante a pandemia?

Desde o início da pandemia do Covid-19, nossa equipe está trabalhando em home-office para ajudar as famílias mais necessitadas da comunidade do Cajuru. Até o momento, através de iniciativas feitas pela internet e entre amigos, conseguimos arrecadar um valor de dinheiro que já foi completamente revertido para a compra de quase 1000 cestas básicas, que, através de nossa parceria com a Associação dos Moradores do Cajuru, estão sendo distribuídas não somente para a comunidade do Cajuru, mas também para artistas e músicos de Curitiba, uma vez que o ramo do entretenimento foi um dos setores trabalhistas mais afetados pela atual situação mundial, devido à proibição de aglomerações, o que impossibilita artistas de apresentarem-se ao vivo, e acaba prejudicando principalmente os artistas pouco conhecidos.

Passamos a ter uma maior atividade nas redes sociais, a fim de aumentar a visibilidade da ONG, apresentar nossa equipe e ampliar nosso contato com o público. Nossa conta no Instagram (@playingforchangebrasil), passou a ser utilizada com mais frequência: lá, estamos periodicamente realizando Lives com os professores e alunos. Através de nosso grupo no whatsapp, onde nos comunicamos com nossos alunos e seus pais, cada professor do instituto está gravando vídeos curtos, passando pequenas tarefas para os alunos, que, por sua vez, respondem enviando vídeos cumprindo os desafios. Além disso, no Youtube, disponibilizamos semanalmente aulas de Yoga, Dança e Maracatu.

No dia 8 de abril, a ONG Incanto (que facilita as aulas de teatro de nosso instituto), em parceria com a ONG Gerando Falcões, distribuiu um cartão cesta básica digital para as famílias de nossos alunos que frequentam a Oficina de Teatro. Posteriormente, a ONG Incanto conseguiu mais 32 cartões para as famílias atendidas pela Playing for Change Brasil. Cada cartão distribuído possui o valor de 100 reais, e pode ser carregado por 3 meses, totalizando 300 reais para cada favorecido.

Na páscoa, a Cacau Show doou 75 ovos de chocolate para nosso instituto, que foram distribuídos a cada um de nossos alunos, juntamente a outras guloseimas. Foi previamente combinado que cada turma iria buscar seus ovos em horários diferentes, com o objetivo de evitar aglomerações, e assim foi feito.

Em maio, continuamos recebendo apoio de instituições e empresas parceiras. Uma delas foi a Prata com Prata, loja online de joias e semi-joias, que reverteu uma porcentagem das vendas do mês de maio para a nossa escola, totalizando 300 reais doados. Outras duas foram as empresas Inimitáveis Brew e Mad Dwaft, que, juntas, criaram a Campanha Cervejeiros Solidários, que ocorreu no dia 30/05 e arrecadou mais de meia tonelada de alimentos para o IPFC, trocando 2 litros de chope por 4kg de alimentos não-perecíveis.

Ainda em maio, realizamos a primeira edição online do Playing for Change Day, que ocorreu nos dias 09/05, 10/05, 30/05 e 31/05, e contou com apresentações virtuais de diversos alunos e professores, além de nomes muito conhecidos da música nacional, como Hyldon, George Israel, João Donato, MPB4, Chico César e Detonautas. Através do QR Code disponível na transmissão do evento, o público pôde colaborar com a campanha de arrecadação para nossa escola, e também para a Associação São Martinho, no Rio de Janeiro.

No dia das mães, presenteamos as mães de nossos alunos e alunas com cestas de café da tarde, viabilizadas através da doação de 2000 reais vindos de Helena Gonçalves, tia da diretora do PFC Brasil, Virgínia Martins.

 

Essas são somente algumas das ações que o Playing for Change está realizando durante a pandemia. Através de parcerias com empresas, ONG’s e eventos virtuais, nossa escola continua com o intuito de ajudar, por mais que a atual situação global não possibilite aulas presenciais no momento. Em julho, participaremos de dois eventos online: no dia 04/07 haverá um QR Code para doações ao Instituto, na live da banda Alma Livre (de São Paulo), que acontece às 20h; e nos dias 15 a 17 de julho, acontece o evento Tendências 360°, que debaterá as tendências de comportamento e consumo global no mundo pós Covid-19, e reverterá toda sua renda à ONG’s parceiras, entre elas o Playing for Change.

 

Compartilhe essa história
Categorias
#Tags
Fique por dentro!